Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Receitas da Gi

Receitas da Gi

Pavlova de cacau puro com iogurte grego e cerejas

Hoje partilho convosco uma versão mais leve de uma das sobremesas que mais gosto: Pavlova.

 

As Pavlovas estão presentes em diversas feiras de bolos e chocolates, e tem combinações infinitas e deliciosas - de oreo, de morango, de nutella, de limão... Neste caso, quis recriar uma Pavlova com menos açúcar e sem uma cobertura demasiado enjoativa. Normalmente a cobertura deste tipo de bolo de claras são natas batidas, mas decidi substituir pelo iogurte grego e ficou fantástico!

 

Esta Pavlova não deixa de ter açúcar, só que substituí pelo açúcar de côco. Podem usar açúcar mascavado ou mesmo adoçante em pó.

 

 

(Cliquem no tag "Continente" para verem tudo sobre as cerejas: os seus benefícios, como escolher, como consumir, como conservar...)

 

Para uma Pavlova grande:

Ingredientes

  • 220ml/230 claras (cerca de 6 claras)
  • 150gr açúcar de côco* (comprei no Celeiro) - caso não tenham, podem usar açúcar mascavado
  • 3 colheres de sopa de cacau puro em pó (usei este)
  • 4 quadrados de chocolate negro
  • 1 colher de chá de vinagre de vinho branco/tinto ou de maçã
  • 1 colher de café de aroma de baunilha
  • Iogurte grego ligeiro q.b. para a cobertura (usei cerca de 250gr)
  • Cerejas q.b. para a cobertura (aproveitem agora, estamos na época delas!)

 

*Batam o açúcar de côco na liquidificadora para ficar mais fininho - o mesmo procedimento caso usem outro açúcar que seja muito granulado, como o mascavado.

 

Preparação

| Pré-aquecer o forno a 180º.

 

| Bater as claras em castelo até formarem picos. Assim que estiverem a formar picos, juntar o açúcar de côco, colher a colher, e continue a bater as claras.

 

| Assim que terminar de juntar todo o açúcar, juntar o vinagre e voltar a bater; finalmente juntar o cacau puro em pó e o aroma de baunilha. Ralar os quadrados de chocolate negro e juntar às claras, mas desta vez envolver com uma espátula/colher de pau, para não perder o ar das claras.

 

| Forrar um tabuleiro com papel vegetal (untar com um pouco de óleo de côco ou margarina) e desenhar um círculo com a ajuda de um prato (cerca de 25cm de diâmetro), ou se quiserem podem fazer noutro formato, como por exemplo um coração. Preencher esse mesmo círculo com o merengue.

 

| Levar ao forno e diminuir imediatamente a temperatura para 140/150º; fica no forno por cerca de 1 hora. Este ficou por cerca de 1h10, sempre a 150º e sem abrir a porta do forno - não o façam senão a Pavlova não fica tão crocante.

 

| Assim que estiver pronta, abram parcialmente a porta do forno e deixem a Pavlova arrefecer lá dentro. Assim que estiver fria vai ficar mais crocante e vai "rachar". Enquanto está a cozer, não tem nenhuma racha, mas depois vai partir-se como dá para ver nas fotografias.

 

| Quando estiver fria, cobrir com o iogurte grego e decorar com cerejas fresquinhas. 

 

IMG_9310.JPG

Antes de ir ao forno

 

IMG_9329.JPG

Já pronta, e depois de arrefecer dentro do forno

 IMG_9328.JPG

Cobrir com iogurte grego ligeiro, bem fresquinho

 

 

O sabor é fantástico e o aspecto então... As cerejas estavam bem docinhas e ficaram muito bem aqui.

Aproveitem a época das cerejas que começa agora para fazer sobremesas deliciosas e lindas com elas. Para além do seu poder antioxidante, por 100gr de cerejas temos apenas 60 calorias. Ricas em fibras, são um verdadeiro aliado para uma alimentação mais equilibrada e saudável (e para os intestinos preguiçosos), para além de combinarem com os nossos lanches de verão na praia, na esplanada, num piquenique...

 

Aproveitem os Frescos Continente deste mês de Maio para conhecer tudo sobre as cerejas: quais os seus benefícios, como escolher, como consumir e como preservar. Neste mês temos também dicas para a batata doce, para a dourada e para o frango. Só dispenso o frango nas minhas receitas, de resto adoro tudo! :D

 

Frescos do Continente de Maio

 

Vão experimentar? Podem fazer também só com adoçante, mas não sei se fica tão bom (principalmente se fica crocante ou não)... Mas não custa experimentar, não é?

 

Beijinhos grandes!

 

Assinatura Gi.png